Funcionamento : Segunda a Sexta, das 8h às 19h
aos Sábados das 8h às 12h

  
Telefones de Contato: : (71) 3016-3030

Zumbido - Cliface Otorrino

Zumbido, Acúfenos ou tinitus

O barulho no ouvido (zumbido, tinitus ou acúfenos) pode ser referido como um chiado, apito, barulho de chuveiro, de cachoeira, de concha, de cigarra, do escape da panela de pressão, de campainha, do esvoaçar de um inseto, de pulsação do coração, etc. Pode ser de forma contínua ou intermitente, mono ou politonal.

Cerca de 17% da população mundial tem zumbido. A maioria relata o zumbido apenas como um incomodo, outros dizem que certas funções como o sono e a concentração estão prejudicadas. Em sua forma severa, que corresponde a cerca de 20% dos casos o zumbido causa sofrimento. É a queixa principal e freqüentemente dramática na consulta médica. Em geral são pessoas acometidas também por outros transtornos, principalmente os de natureza psiquiátrica. O grau de desconforto, intolerância ou incapacidade quase sempre não estão relacionados com o grau de intensidade do zumbido. Os transtornos de humor (depressão, distimia) e ansiedade, freqüentemente presentes, exercem fortes influências no agravamento do sintoma zumbido.

Em geral nenhuma causa especifica pode ser estabelecida para o tipo comum (subjetivo) de zumbido. Perda auditiva, infecção no ouvido ,obstrução do conduto auditivo ( cerume), ingestão de determinados medicamentos , exposição prolongada ao ruído, tumor, são fatores, entre outros , que podem estar associados com o zumbido. Se for do tipo objetivo ou vibratório (incomum) as causas são vasculares (pulsáteis) ou musculares (cliques).

O medico ouve, examina e pede os exames complementares necessários: audiologicos, laboratoriais, eletrofisiológicos e de imagem.
Os pacientes com zumbido severo, agudo ou crônico severo, ou seja, o que causa sofrimento, necessitam do que chamamos de um tratamento/controle, termo usado para referir-se a quaisquer modalidades conhecidas de terapia que oferecem alivio ao paciente de sintomas que o afligem.

A. Tranquilizar o paciente: dizer que não é uma ameaça para sua saúde. Assegurar que vai melhorar. Incentivar a prática de medidas que melhoram a qualidade de vida: alimentação regrada, atividade física regular e controle da vida psíquica.
B. Avaliação psiquiátrica
C. Medicamentos: ansiolíticos, zinco (se necessário). O íon zinco participa na neurotransmissão na via auditiva central. A carência pode estar relacionada com algum tipo de zumbido. E outros como: antagonistas do canal de cálcio ,  antagonista dos receptores H3, etc
D. Terapia cognitiva/comportamental: baseia-se na modificação do comportamento através da aplicação de técnicas de “descondicionamento”. A finalidade é orientar, ensinar e usar técnicas comportamentais que levam à habituaçao. Um exemplo de terapia cognitiva/comportamental é a Terapia de Habituação (Tinnitus Retraining Therapy – T.R.T). A T.R.T envolve dois princípios básicos: orientação e terapia sonora (ou acústica)

Dr .André Henrique Bastos
Médico Otorrinolaringologista pela ABORL-CCF

Referências Bibliográficas:
1. Sanchez TG. Zumbido: análise crítica de uma experiência clínica e de pesquisa. 2003.21p Tese (Livre-Docência) Faculdade de Medicina, Universidade de São Paulo.
2. Tyler RS and Bergan CS. Tinnitus Retraining therapy, A modified approach – The Hearing Journal. 2001. Vol 54, nº 11

Gostou do texto sobre Zumbido? Clique aqui e veja mais textos do Dr. André Henrique Bastos.
Quer conhecer mais sobre esse profissional? Clique aqui e saiba mais.
Resumo
Zumbido, Acúfenos ou tinitus
Título
Zumbido, Acúfenos ou tinitus
Descrição
Você sofre com o zumbido no ouvido? Acesse aqui e saiba mais sobre esse problema. Causas, tratamentos, etc. Cliface Otorrino. Clínica especializada em Salvador.
Autor
Empresa
Cliface Otorrino
Logomarca
11 Comments
  1. Responder
    Antônia Vieira

    Tenho um zumbido que me encomenda mt, as vzs passa mais tem dia que é bem encomodativo,e estou tendo perda auditiva.

  2. Responder
    Jorge Reis

    Tenho um zumbido que me encomenda mt, nunca passa, e às vezes piora, estou com perda auditiva de leve a moderada. Gostaria de marcar uma consulta. Você está têem convênio com o PLANSERV? GRATO

  3. Responder
    Jorge Reis

    Tenho um zumbido que me encomenda mt, nunca passa, e às vezes piora, estou com perda auditiva de leve a moderada. Gostaria de marcar uma consulta. Você está têem convênio com o PLANSERV? GRATO

  4. Responder
    Teonilia Carla

    Bom dia
    Minha mãe tem esse problema de zumbido, já passou por três especialistas, toma medicamento, fez lavagem, até mesmo ortopedista, e ainda continua se queixando do barulho, não aguento vê-la dessa forma pois sei que incomoda, até mesmo para dormir ela não está mais conseguindo, Irei marcar uma consulta,mas pode passar alguma informação para que eu possa tranquilizar até a data do atendimento? Obrigada

    • Responder
      Emerson

      Eu também sofro disso é muito ruim fico desesperado não sei oque fazer já fui em vários

  5. Responder
    ana maria santos de araujo

    quero saber qual valor de uma consulta otorinolaringologia

  6. Responder
    ana maria santos de araujo

    marcar consulta

  7. Responder
    Elaine

    Estou sentindo muita coceira no ouvido,zumbido,abafamento,estou sem ouvir direito do ouvido esquerdo.Tem dias que amanheço sem ouvir nadaaa!!!
    Oque pode ser?

  8. Responder
    lustres para sala

    Obrigado…Eu amo seu post obrigado.

  9. Responder
    polissonografia df

    Obrigado…Estou gostando :).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *